Renegados


Destrua as suas barreiras
Deixe de ser apenas aquele rostinho bonito
Seja quem você realmente quer ser,
Não tenha medo de sabotar a vida perfeitinha,
Que as pessoas querem que você possua,
Drogas, álcool, violência,
Correm pelo seu sangue,
Manchado pela sua natureza destrutiva,
Você vai buscar seu inimigo.

 

Você não acredita em Deus,
Aquele adormecido que permite,
A destruição dos seus próprios filhos,
Abrindo espaço para a morte brincar,
Com os seres de barro,
Criados para se matarem uns aos outros,
Sem piedade, sem um pouco de compaixão,
Por aqueles que chamam de irmão.

 

Eis o seu inimigo a sua frente,
Arranque suas entranhas,
Leve sua cabeça como premio,
Mostre para ele quem você realmente é,
Já que estamos todos condenados,
A vagar como renegados pelo inferno.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: