Recordações


O tempo não é a cura que dizem ser,
As lembranças ainda machucam,
Tudo que eu mais queria é te esquecer,
A minha vida poder viver,
E um novo amor conhecer.
 
As recordações deixaram marcas,
Das quais continuam a sangrar,
Meu coração tem medo,
Medo de amar, medo de se machucar,
Medo de sonhar, medo de acreditar,
Medo de um dia não mais se lembrar de você.
 
Hoje tudo que eu mais desejo,
É viver um novo amor,
Mas as essas tais recordações,
Não me deixam esquecer,
O quanto eu amo você.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: